Microscopia + Laserterapia + Sedação óxido nitroso + Ozonioterapia

Grávidas podem passar pelo tratamento de canal?

Grávidas podem passar pelo tratamento de canal

Pelo fato do tratamento de canal envolver anestesia, radiografias e cuidados no pós-operatório, existe a dúvida se grávidas podem passar pelo procedimento.

Principalmente nesse momento tão emocionante e cheio de expectativa, a futura mamãe fica ansiosa e desconfiada sobre o que pode ou não pode fazer.

Mas a coisa mais importante é manter a sua saúde bucal sem prejudicar o bebê.

Se você é uma mamãe que está com dor de dente e precisa passar por um tratamento de canal, fizemos esse post para você.

Vem com a gente que vamos sanar as suas dúvidas sobre o procedimento nesse período tão especial.

Cuidados com a saúde bucal na gravidez

Cuidar da sua saúde bucal é muito importante durante a gravidez.

Por isso, você deve manter o seu check-up preventivo com o dentista em dia.

Mantenha o uso do fio dental e a escovação normalmente. Nada muda em relação à higienização para evitar uma indesejada intercorrência.

Outro cuidado importante é com relação à possível náusea. A acidez do suco gástrico liberado no vômito provoca erosão nos dentes, e consequentemente, um aumento da sensibilidade.

Sempre enxágue com água imediatamente após e aguarde um tempo para escovar até que a saliva consiga reestabelecer o pH bucal e garanta a recuperação do esmalte.

Por fim, ao menor sinal de que algo está errado, não espere o problema se agravar. Procure ajuda o mais rápido possível.

Caso haja a necessidade de um tratamento de canal, embora seja seguro fazê-lo durante a gravidez, existem algumas precauções e orientações.

O tratamento de canal em grávidas

Nos primeiros 3 meses de gestação não é aconselhado que gestantes passem por exames radiográficos. Porém, há casos em que o tratamento de canal precisa ser feito com urgência.

Nesse caso, cabe a nós, endodontistas, realizarmos o procedimento da forma mais segura, utilizando o anestésico adequado para grávidas (lidocaína 2%) e usando o colete de chumbo nas radiografias para proteger a mãe e o bebê.

O estresse causado pela dor e o risco de infecção são mais prejudiciais à gestação quando comparado ao impacto da radiação.

Em relação às medicações após o tratamento, o recomendado é usar o mínimo possível, seguindo as orientações do obstetra.

Portanto, não hesite em fazer o tratamento se houver necessidade. A dor e, consequentemente, o estresse, são muito prejudiciais à gravidez.

Tratamento de canal pode sim ser feito em gestantes com o devido cuidado

Agora que você já sabe que deve redobrar a atenção com a sua saúde bucal, aproveite para curtir esse momento especial.

É fundamental que você continue a fazer visitas periódicas ao dentista, já que pode acontecer de algum problema surgir de forma silenciosa.

E quando a dor aparecer, é válido lembrar que algo está errado.

Se esse é o seu caso, entre em contato conosco para avaliarmos a necessidade de um tratamento de canal.

Compartilhe

Leia Também

Deixe seu comentário

Busca

Endodontia microscópica digital

Endodontia Microscópica Digital

Agende Sua consulta

NOME*

E-MAIL*

TELEFONE*

DATA DE pREFERÊNcia*